O que desejo afinal?



O que desejo afinal? É simples, TUDO, nada menos do que isso, porque se neste momento não tenho quem me complete, quem esteja pronto para me ouvir, para me receber, para me oferecer o único abraço que me poderá restaurar do dia longo, então fico-me comigo, e que bem estou!

Às vezes penso que sou uma alma velha, daquelas que já passou por todas as vidas, e que por isso já sabe do que vão falar, antes mesmo de abrirem a boca. Chega a ser cansativo, acreditem, porque não ser surpreendida, em nenhum momento, nem mesmo pela negativa, cria um vazio difícil de preencher, e acabo a afastar-me, inevitavelmente, de quem apenas me faz perder tempo.

Como desejava conhecer alguém que me conseguisse aguçar a mente, mas fazendo-me mover o corpo como eu sei que ele consegue e precisa. Como gostava de um homem de pés na terra, de ideias firmadas, sem demasiadas perguntas por responder, apenas vida para partilhar. Como desejava poder passear de mãos dadas, falando de tudo e de nada e sentindo que a pessoa ao meu lado o estaria realmente. Como gostava que TU pudesses ter sido tudo o que me faltava, sem que eu precisasse de to pedir e sem que tivesse que esgravatar no "chão" para te perceber.

O que desejo agora e sempre é muito simples, um homem à minha altura, alguém que seja tão ou mais forte do que eu, que veja para além do aqui e que nunca se contente com o agora, porque saberá, tal como o sei, que com o amor certo, haverá muito mais amanhã e depois de amanhã e depois...

O que desejo afinal existe, só não o encontrei ainda!


0 Comentários