Nem sempre se sabe, ou explica!

by - maio 01, 2016

Back lighting catches the lace of her lingerie and traces the outline of her body. beautiful. A. Pelosi Fashion and Glam Photography London Milano Http://www.alessandropelosi.com:
Feelme/Nem sempre se sabe, ou explica!


Desejos que o nosso desejo acaba a desejar bem mais do que deveria. Olhares que se olham quando acabam, mesmo, a pousar uns nos outros. Sabores que antecipámos diferentes, ou tão iguais que parecemos ter-nos saboreado, sempre.

Querer, muito, quem nos queira da mesma forma, deixa-nos de sorriso tolo nos lábios, e com certezas que nada nem ninguém garante. Querer a pessoa que nos cuidará, por tempos que iremos querer ampliar, é o que nos permite continuar, sem desistir. Dizer, tudo o que deverá ser dito, aceitando os sons que o outro carregará, até quando o que precisávamos era de não ouvir som algum. Continuar, determinados, esperando por dias mais brilhantes e menos arrastados, será a forma de nos provarmos, de que forma queremos, realmente, ir por "aqui", "deste lado" e com "esta pessoa".

Nem sempre se sabe, ou explica, porque esbarramos em pessoas tão pouco comuns, porque enveredamos por caminhos que não reconhecemos, e porque escolhemos viajar em viagens tão novas e longínquas, que ir e voltar será maior do que o tamanho que já atingimos. Nem sempre começamos o que podemos terminar, mas escolhemos, de qualquer forma, escolher o que nos deixará mais felizes. Nem sempre se percebe, no início, porque viemos desta forma, com uma vontade que moverá céu e terra, abanando o que parecia seguro e inabalável. Nem sempre estamos certos, mas devemo-nos, a nós mesmos , continuar a tentar.

You May Also Like

0 comentários