O que é que te posso dizer?

#inspiração #inspiration #fotografia #photography


Quando é que opinas demasiado e quando é que deixas o essencial por dizer? Encontrar o equilíbrio no início das relações, e até que já se tenham ambos sentido o conforto do outro, aquele que representa uma parte de nós, é muito mais difícil do que o que pomos por palavras. Algumas pessoas têm uma enorme mestria para nos deixarem a sentir bem e livres na nossa capacidade de exprimir o que desejamos, mas há outras...

O que é que te posso dizer e quando? Na minha modesta opinião, se tivermos que andar em bicos dos pés, falando demasiado baixo e não olhando intensamente nos olhos, apenas para não perturbar o outro e o seu espaço, então bardacaca, porque ou é, ou é. De que forma consigo conhecer-te, saber o que pensas quando pensas em mim e até onde te sentes capaz de ir por mim, se não o perguntar? De que forma te conheço os gostos e atiço os limites, se não te espicaçar? De que forma nos conseguimos entender e ler, se formos sendo sempre demasiado polidos e metidos na concha?

O que é que te posso dizer afinal, sem que te sintas atingido mortalmente? É bom que mo faças saber, porque saber de ti vai ser a diferença entre ficarmos, porque te encaixas, ou desistir porque és demasiado diferente. 
Share:

Enviar um comentário

Designed by OddThemes | Distributed by Blogger Themes