Bottom Ad [Post Page]

Labels

Main Tags

Author Description

Hey there, We are Blossom Themes! We are trying to provide you the new way to look and use the blogger templates. Our designers are working hard and pushing the boundaries of possibilities to widen the horizon of the regular templates and provide high quality blogger templates to all hardworking bloggers!

Post Page Advertisement [Top]

Avançar para o conteúdo principal

Quando não estás, quando não te vejo!

Sofie & Bishop. #SinnerAndSaint:
Feelme/Quando não estás, quando não te vejo!Tema:Me!
Imagem retirada da internet

Quando não estás, quando não te vejo, o meu coração reage, salta mais aflito e fica numa inquietação que me desinquieta, toda!

Preciso de ti, é um facto. Tu sabes que sim, e que a minha necessidade de ti é para que me complementes os dias agitados, e lhes confiras sentido. Sem ti, sem o teu toque e olhar, nada me preenche, o bastante. Nada me sabe ao sabor que me deixas. Nada me envolve e estimula, se não te souber por perto.

A distância, a tal que assusta tanta gente, não nos impede de estarmos, emocionalmente próximos, tanto que por vezes até consigo cheirar-te, e ouvir-te a sussurrar-me o que tão bem sabes. A distância é a desculpa dos despreparados, dos que precisam de se apoiar em "verdades" universais, para justificarem o injustificável, mas para nós, apenas nos aguça o que já sabemos ter de cada vez que nos tocamos.

Tu entraste, num dia cinzento, mas que clareou e se tornou na referência de todos os outros. Nós sabemos, eu e tu, que nunca nada voltará a ser igual, e que depois de nós mais ninguém importa. Tu entraste para ficar, com a convicção que têm os que amam mesmo, os que não se desculpam pelo que querem ter, e que sabem como largar o que já não lhes pertence. Tu entraste, para me mudares, para me arrebatares o coração magoado, para me provares que nunca tive ninguém igual a ti. Tu entraste para me proporcionares o que preciso, todas as emoções de que somos feitos, e sem as quais, nada do que fazemos por aqui tem razão ou sentido.

Ontem desejaste-me um dia completo, e pediste-me que fizesse por mim o que sempre faço, mas não tudo. Pediste-me que te incluísse em cada decisão, e que percebesse, como venho fazendo a cada dia, que tudo o que movimento te pode afectar, e que se eu te cuidar, estarei a cuidar-nos.

Agora já sei, amor da minha vida, que quando não estás, e quando não te vejo, não consigo ser eu!

Comentários