Os dias, um depois do outro...



Os dias transformam-se em meses e depois destes um ano e um outro logo a seguir, até que finalmente consigas mudar o que tanto adiavas. Percebes que existe um momento certo para seres nova e que a acontecer tudo o resto terá como prosseguir de forma determinada e a fazer todo o sentido. Os dias nunca voltarão a ser os mesmos depois de já saberes para que lado deverão correr. Os dias serão verdadeiramente teus para que faças o que te pertence e para que nada volte a ser automático e sem emoção.

Vais poder carregar tudo o que te representa se não deixares que os medos te invadam e eles serão sempre muitos. Vais poder decidir quando carregar no botão de iniciar e entender que a viagem começará nesse preciso momento e nem um segundo depois. Vais poder regenerar-te curando feridas tão antigas que já nem te recordarás de como começaram. Vais poder tudo desde que mudes não apenas os dias, mas o que eles terão que significar. Vais poder caminhar no ar e ainda assim estar tão no teu chão e lugar. Vais poder saber o valor do amor que tens dentro e permitir que saia direitinho a quem dele precisar. Vais ver todas as tuas preces atendidas, se souberes exactamente o que pedir.

Os dias, os teus e que apenas a ti importam, nunca mais serão apenas dias se deixares ir o que te prendia. Os dias deixarão de ser de espera se parares de esperar por quem já és.

0 comentários

O livro da minha vida!

Qual será o resultado de tudo o que começamos? O que podemos verdadeiramente planear enquanto nos projectamos num futuro que até poder...