O que já sabemos afinal?

24.2.20



Já todos sabemos, porque o repetimos, que a idade está na cabeça, o mesmo lugar onde deveria também morar a maturidade e o discernimento, mas infelizmente isso não acontece, não com a frequência desejada e não de forma a influenciar positivamente os outros. Não vivemos sozinhos. Não somos apenas nós que contamos neste enorme pedaço de mundo, mas igualmente pequeno o bastante para que recebamos as influências energéticas de todos. Não podemos, de forma alguma, fingir que nos bastamos e NÃO podemos continuar nesta linha, sob risco de envelhecermos coração, corpo e alma, muito antes do tempo.
Já todos deveríamos saber que apenas se vive uma vida de cada vez, a nossa e que querermos estar em todo lado, sabendo de tudo e vaticinando sobre tudo, não nos carrega do que verdadeiramente faz falta, pelo contrário, retira o que já deveríamos ter e ser. A nossa caminhada pode ser TÃO mais fácil, se soubermos quem somos, ao que vimos e o que precisamos de aprender para mudar e evoluir. O que recebemos, bom e mau, será sempre o resultado do que fizermos e do que adiarmos. Temos poder SIM, usá-lo não será fácil, mas está aí para todos os que o reconhecem e aplicam.
Já vamos sabendo tanto, que só precisamos de parar de duvidar e começar a usar!

Publicar um comentário

Feel Me © . Design by Berenica Designs.