Se és diferente, mantém-te diferente!

23.5.20

marisel@reflexiones.com: Porque la distancia separa cuerpos, no corazones.

Porque razão terás que te contentar em apenas pertencer ao grupo e ser "igual", quando afinal nasceste para te destacar?

Quando nos sentimos únicos e diferentes, a vida não consegue simplesmente engolir-nos, porque sabemos exactamente ao que viémos e o que nos cabe fazer. Ser diferente implica fazer de outra forma, provavelmente melhor e com mais resultados, mas seguramente que nos destaca dos demais.

Porque razão deveremos deixar de procurar motivos para sermos de uma forma e não de outra padronizada, se sentimos que temos uma outra voz?

A cada um caberá uma estratégia, uma ordem natural e uma vontade que deverá ser férrea, para conseguir chegar onde fizer sentido. Não começamos da mesma maneira, não reagimos ao exacto mesmo minuto e não permaneceremos pelo mesmo tempo. Não temos os mesmos sonhos e não deveremos viver da mesma forma, sob risco de os matar-mos.

Porque razão alguns ainda desistem de serem e de se sentirem diferentes?

Publicar um comentário

Feel Me © . Design by Berenica Designs.