Amar é uma complicação, eu admito!

Se ainda continuo assim, apenas eu, é porque tenho medo, pronto, já disse!Tenho medo de saber por onde passará a andar o meu coração, por quem irá bater, se o conseguirei sentir doer, ou se terá que deambular sozinho enquanto quem eu escolher se define...

Não me apetece ter que incluir quem não me alimente e quem não me saiba ler. Não me apetece partilhar almas pequenas, pessoas que ainda se andam a descobrir, porque já quero TUDO, quero-me a mim e quero-te a "ti", sempre, sem reservas, sem pedinchar, no lugar que sei que mereço.

Prontoeu admito que ainda não aprendi a ir atrás do que me poderá dar mais do que sou sozinha, e que o coração vazio não me permite ver muito para além do amanhã, mas como não há saídas fáceis e eu não quero desistir de mim, mesmo tendo medo, vou ter que chegar lá!

0 Comentários