Close-up of Window at Home
Feelme/Como é que se sabe quem é?Tema:Sentimentos!
Como é que se sabe quem é? Fala-se, tecla-se, pede-se, ouve-se e deseja-se, até que se passa a saber. Quando já não se consegue estender mais o desejo, então vemo-nos, conhecemo-nos, tentamos perceber se o que sentimos se vai reflectir no toque, no olhar e nos beijos e avançamos, ou não.

O frio na barriga, o medo irracional, o desejo de que possamos ter encontrado a outra metade de nós, tudo se mistura e se agiganta sempre que damos o passo, o tal, o que mudará tudo para sempre. No final pode ser bom, podemos reconhecer-nos, o abraço pode ser tranquilizador, o toque, o cheiro, o sabor poderá misturar-se com o nosso e passaremos de um a dois, do querer ao ter. Só pode ser bom, mas que assusta, assusta.

Como é que se sabe afinal, que quem está do outro lado é quem importa? Só testando, caminhando e sentindo, não há outra forma. Para alguns não saber estimula. Para outros complica e obriga a retrair. Não saber deveria deixar-nos apenas ir caminhando, mas parece que já ninguém quer apenas espreitar, tudo tem que ser hoje e agora, até o amor...

0 Comentários