Bottom Ad [Post Page]

Labels

Main Tags

Author Description

Hey there, We are Blossom Themes! We are trying to provide you the new way to look and use the blogger templates. Our designers are working hard and pushing the boundaries of possibilities to widen the horizon of the regular templates and provide high quality blogger templates to all hardworking bloggers!

Post Page Advertisement [Top]

Avançar para o conteúdo principal

Gestão meticulosa da coisa!

Natalie

Em conversa com algumas mulheres, algumas das que acabarei a usar para um novo livro, percebi como é feita a gestão meticulosa da coisa no que diz respeito às novas relações, as que envolvem os seus ex maridos ou companheiros. As palavras são minhas, mas a análise foi feita em conjunto e este foi o resultado:

Encaixar o nosso ex com as actuais, sim, porque não é uma, nem duas, nem três, não é tarefa fácil, mas não há outra forma. Temos que deixar que encontrem o caminho do ouro. Que tenham muito do que supostamente lhes faltava antes e que andem de cama em cama, a experimentar tudo o que agora vão vendo nos filmes de hard core. Se assim não for, não sossegam e não voltam a ser gente. Até aqui tudo bem, and we don´t give a shit. O pior e a acontecer, são os filhotes, porque se os envolverem... BEM, não queiram ver uma mãe zangada e avariada dos circuitos, porque não é um cenário bonito.

Vá lá, não misturem, preservem. Vão, mas voltem com dignidade, porque isto de comer tudo o que os outros já cuspiram, é no mínimo degradante. Por norma os bons dos machos têm o hábito de dizer MUITO BEM, das suas esposas -  "a minha é assim e assado, não faz isto, nem lhe permito aquilo" - bla bla bla, porque não dominam, nem controlam nada, mas adiante. Quando finalmente estão livres e podem escolher, fazem o quê? Escolhem MERDA da grossa e aí já não se importam, mesmo nada, com a qualidade da mercadoria.

Às tantas a mulher, a ex, ou as ex, foram-lhes retirando os neurónios um a um, com uma colher, pior do que os abortos dos anos 80. Raios, que agora fui mesmo crua, mas não tenho forma de ser suave quando presencio tanta burrice junta. O que se faz por umas quantas ratas, que esperamos todas, pelo menos sejam bem lavadas!

Comentários