A mostrar mensagens de Janeiro, 2014Mostrar tudo
Como seria?

Feelme/ Como seria ?Tema:Sentimentos! Como seria se eu me resolvesse a incluir-te? Do que terei afinal que abdicar que importe assim tanto, de que parte de mim deixarei de ser dona, como poderão os meus dias revolver-se…

A primeira vez que vi o teu rosto!

Feelme/ A primeira vez que vi o teu rosto !Tema:Sentimentos! A primeira vez em que tudo acontece quando encontramos alguém. Da primeira vez temos o receio de usar as palavras erradas, de não conseguir segurar o olhar não pa…

Lavada por dentro...

Feelme/ Lavada por dentro ...Tema:Sentimentos! Se ao menos a chuva tivesse esse efeito, se me conseguisse lavar por dentro e deixar-me limpa de sentimentos que se misturam apenas para me baralhar, fazendo com que nenhum dia…

Há algo...

Há algo na forma como sorri, parecendo que sabe tudo e que já não tenho nem preciso de olhar outro alguém. Há algo que ainda não consegui entender, porque me faz vibrar assim e querendo que não deixe de me desejar porque…

Nem sempre...

Feelme/Nem sempre... Etiquetas: Sentimentos! Nem sempre são os sons familiares e os rostos que conhecemos, que nos arrancam dos dias cinzentos, daqueles em que a nossa fragilidade, porque ela também existe, se derrama e es…

A vida!

Feelme/ A vida !Tema:Relações! Imagem retirada da internet A vida por vezes põe no nosso percurso pessoas extraordinárias, bonitas por dentro e por fora, que nos conseguem mudar ou ajudar a que continuemos a ter fé no mu…

E se eu pedir desculpa?

Não sei se adianta, mas ajuda qualquer coisa, deixa perceber que me preocupo que sei quando magoei, e que a minha incapacidade não deverá ser motivo para deixar de usar uma das palavras mais difíceis. Não tenho medo de pedir …

Ficaste de dizer!

Continuo à espera de te ouvir dizer o que sou e como o sou na tua vida. Engasgas-te na tua incapacidade natural de usar as palavras, que já deverias saber, são o que me fazem continuar. Porque desesperas, porque buscas so…

Aí estão!

Feelme/Aí estão! Etiquetas: Me! Aí estão , os dias intensos, o trabalho que quase me enlouquece, mas que também me enche de uma adrenalina e de uma " loucura " que não consigo descrever! Só sei estar assim, a cor…

A começar..

Agora, o meu ano novo. Estou para regressar ao trabalho, após LONGOS dias de férias, que me deixaram entre o tranquila, a restaurar-me, e o desesperada, como só podem ficar as mentes inquietas, as almas que nunca sossegam…